Independente do porte ou segmento de atuação, é possível observar um número muito maior de organizações preocupadas com as questões relacionadas à diversidade. Com isso, medidas de promoção de equidade ganham destaque nas empresas, com ações voltadas para o recrutamento e motivação de profissionais mulheres, negros, PCD’s e LGBTQ+.

O capital humano é um dos recursos mais importantes para qualquer organização. Desse modo, é fundamental encontrar mecanismos para manter os colaboradores motivados e satisfeitos no ambiente corporativo. Um caminho a ser discutido é mostrar que cada um deles é verdadeiramente valorizado por suas habilidades e entregas, sem discriminação ou qualquer tipo de desigualdade.

AUDIOBOOL TEORIA DA EQUIDADE  - TEORIA DA EQUIDADE: COMO ESSA PRÁTICA PODE INFLUENCIAR SEUS COLABORADORES
AGORA VOCÊ PODE OUVIR EM ÁUDIOBOOK
SEU ÁUDIOBOOK

O ambiente corporativo é um espelho do que temos em nossa sociedade de maneira geral. Para você que deseja entender mais sobre equidade nas empresas, continue lendo e entenda mais sobre a influência disso nos seus colaboradores e consequentemente na produtividade e crescimento, valorizando a diversidade

Equidade X Igualdade

Equidade X Igualdade 1024x1024 - TEORIA DA EQUIDADE: COMO ESSA PRÁTICA PODE INFLUENCIAR SEUS COLABORADORES
Equidade X Igualdade

É comum termos a impressão de que os termos “equidade” e “igualdade” não se diferenciam muito. A definição de igualdade aponta que é um “fato de não se apresentar diferença de qualidade ou valor, ou de, numa comparação, mostrarem-se as mesmas proporções, dimensões, naturezas, aparências, intensidades”. Já por equidade, define-se equidade como “respeito à igualdade de direito de cada um, que independe da lei positiva, mas de um sentimento do que se considera justo, tendo em vista as causas e as intenções”.

A equidade e a diversidade

Para falarmos o cenário das mulheres e negros no mercado de trabalho, no que tange à equidade, é fundamental salientar a relevância que estes dois grupos têm em nossa sociedade. A cada ano, a mulher passa a ter mais protagonismo na sociedade, em diversos segmentos profissionais, governamentais e artísticos. Desse modo, não há por que ter qualquer tipo de pensamento machista ou preconceituoso, que menospreze as mulheres.

Grandes empresas ao redor do mundo estão optando por lideranças femininas, justamente por seu olhar sensível, senso de justiça e capacidade de liderança para os mais variados assuntos. Empresas que não valorizam a figura da mulher ainda estão no século passado e fadadas ao fracasso.

Já em relação aos negros, o Brasil tem uma dívida histórica em razão do período escravagista, mas mesmo assim o preconceito racial persiste em nossa sociedade. Porém, movimentos como o Black Lives Matter têm mostrado que a cor da pele não é portfólio para ninguém e que os profissionais negros são altamente capacitados e não devem ser inferiorizados ou vítimas de preconceito.

O Brasil é um país miscigenado e não há por que enaltecer qualquer linha de pensamento preconceituoso, principalmente o preconceito racial. As empresas estão se dando conta disso, e cada vez mais, agregam profissionais negros em cargos de chefia, num passo importante rumo a uma sociedade igualitária.

Benefícios de mais equidade aos colaboradores

Beneficios de mais equidade aos colaboradores 1024x1024 - TEORIA DA EQUIDADE: COMO ESSA PRÁTICA PODE INFLUENCIAR SEUS COLABORADORES
Benefícios de mais equidade aos colaboradores

Os ganhos obtidos quando falamos em mais equidade nas empresas são inúmeros. Principalmente se entendemos que ao promover a equidade a organização poderá aproveitar muito mais dos conhecimentos e habilidades do colaborador, que se sente motivado e entrega mais eficiência. Porém, é fundamental começar entendendo que a equidade ocorre quando há a percepção de justiça. E a justiça ocorre quando as organizações contratam profissionais LGBTQ e PCDs.

Um dos pilares fundamentais no que tange à diversidade, profissionais PCDs são altamente gabaritados, que há muito tempo deixaram de ser vistos como pessoas incapacitadas, que geravam sentimento de pena. Não, pelo contrário, o profissional PCD conquista seu espaço por sua capacidade técnica para inúmeras funções.

Contratar um profissional PCD é muito mais que cumprir a lei, é dar voz a um ambiente de trabalho diversificado, com colaboradores com histórias incríveis de superação de dificuldades para alcançar seus objetivos e que vão agregar e muito no cotidiano da empresa.

Outra grande transformação pela qual o Brasil passou nos últimos anos, foi em relação a população LGBTQ. Após muita luta e perseverança, a diversidade sexual passou a ser vista com menos preconceito, embora ainda ele exista em nossa sociedade. No mercado de trabalho houveram avanços, com a inclusão do nome social em documentos de identificação e contratação de profissionais LGBTQ.

Conceder oportunidade de trabalho a profissionais LGBTQ é fortalecer a luta de lésbicas, gays, homens e mulheres trans, por mais direitos, pela aceitação e independência, e que sua história de vida seja motivo de orgulho e não de vergonha. Para que cada profissional LGBTQ seja avaliado de acordo com suas competências e não pela orientação sexual.

Afinal de conto qual a

Afinal, de acordo com a Teoria da Equidade, quando o colaborador percebe situações em que falta justiça dentro da organização, os colaboradores reduzem suas contribuições de forma significativa e consequentemente, os resultados.

Outro fator que ocorre decorrente disso é a deturpação da própria imagem. O colaborador acaba por, de certa forma, deturpar a imagem que tem de si mesmo, se enxergando como um profissional até mesmo ruim e danificando sua autoestima.

Pode ocorrer também a deturpação da imagem do colega, quando o mesmo efeito nocivo que pode acontecer consigo mesmo poderá afetar o colega que recebe mais benefícios.

Com todas estas reações possíveis é possível observar que sendo motivação um combustível imprescindível para que o colaborador, os ganhos de mais equidade nas empresas se relacionam com estes dando o seu melhor. Com isso, é apenas consequência que a empresa consiga alcançar os resultados extraordinários que almeja.

Dessa forma, investir em manter um ambiente que dissemine sentimento de justiça e valorização de todos os colaboradores é transformador do ponto de vista social e também empreendedor. Os negócios só têm a ganhar a partir do alto desempenho dos funcionários. Para um funcionário manter-se dentro de um conjunto onde poucos participavam é um aspecto altamente motivador e incentivador. Eles com certeza darão o sangue para conseguir estar dentro deste grupo.

Mas como começar a promover mais equidade nas empresas?

Mas como promover mais  1024x1024 - TEORIA DA EQUIDADE: COMO ESSA PRÁTICA PODE INFLUENCIAR SEUS COLABORADORES
Mas como começar a promover mais equidade nas empresas?

O caminho certamente não é fácil ou curto, tendo em vista que envolve mudanças profundas na cultura e valores da empresa. Porém, as mudanças são necessárias, urgentes e só tem a beneficiar empresa, colaborador e sociedade, destacando a importância de você não ficar de fora.

Em primeira instância a sua empresa pode começar a dialogar sobre diversidade e contratar profissionais com este perfil para diferentes departamentos. Desse modo, o ambiente de trabalho passará a ter mais cor e novas ideias que podem ser agregadas ao trabalho, resultando em ótimos resultados.

Outro ponto importante é identificar quais profissionais percebem falta de equidade na organização e viabilizar um ambiente propício para trabalharem suas habilidades e se desenvolverem como todos os demais.

Pode-se optar por realizar avaliações regulares, semestral ou anualmente para entender o cenário que se apresenta naquele momento e elaborar planos de ação visando reparar possíveis injustiças e desmotivações. Isso não significa obviamente que todos da empresa devem receber o mesmo salário.

O que se destaca aqui é um padrão para garantir que as diferenças salariais apresentadas ocorram por fatores legítimos, como rendimento/produtividade, tempo na empresa, cargo, habilidades, experiências ou nível de capacitação. Nada desse tipo pode ser questionado ou relativizado, principalmente com base em sexo, etnia, origem, orientação sexual ou limitações físicas.

A partir disso, é possível implementar políticas e práticas que ajudem a prevenir problemas de equidade, garantindo que cada um dos cargos tenha uma categoria de pagamento associado e proporcional. Além de que o posicionamento do colaborador dentro desta categoria seja baseado em um fator legítimo.

Quer dar o primeiro passo para promover mais equidade na sua empresa? Comece contando com auxílio especializado na capacitação de profissionais e empresas com impacto social. Conheça a Converger e conte com nossas soluções criativas e inclusivas para motivação de profissionais por meio de um carismático time de palestrantes motivacionais PCD!

Deixe uma resposta

Fechar Menu